ABOUT

Isabela Vasques is a Brazilian/British multidisciplinary artist who graduated from the University of the Arts London in the UK.
She currently studies MA Inclusive Arts Practice at Brighton University, where she lives and works.
The artist has taken part in a few exhibitions between Rio and London. 
Isabela's artwork is created in dreamy fields of colours and images based on memories or photographs. The artwork primarily lies within an interest in the vast field of the senses, experience, and its instances of serendipity.
Literature, cinematography, and music strongly resonate with Isabela's creative process. Experimentation is part of her practice. It often speculates how we perceive ourselves, others, and the world. 
The multidisciplinary aspect of the artwork evolves with a desire to develop visual narratives. The significant thing for the artist is the work process itself; experimentation is a constant practice. Its result becomes the focus of observation in search of aesthetic values, providing several forms of expression. 

 
Isabela Vasques é uma artista multidisciplinar brasileira/britânica, graduada na University of the Arts London, no Reino Unido. Atualmente, Mestranda em Inclusive Arts Practice na Brighton University, onde mora e trabalha.
A artista já participou de algumas exposições entre Rio e Londres.
Seu trabalho é criado em campos oníricos de cores e imagens a partir de memórias ou fotografias. A aspiração reside principalmente no interesse pelo vasto campo dos sentidos, da experiência e de suas instâncias de serendipidade.
A experimentação faz parte de sua prática. Muitas vezes especula como percebemos a nós mesmos, aos outros e ao mundo ao nosso redor. Literatura, cinematografia e música têm fortes ressonâncias no processo criativo de Isabela.
O significativo para Isabela é o próprio processo de trabalho, a experimentação é uma prática constante. Seu resultado passa a ser foco de observação em busca de valores estéticos, proporcionando diversas formas de expressão. O aspecto multidisciplinar de suas obras evolui com o desejo de desenvolver narrativas visuais.